11.02.2021

Sarah Jeffery abre seu coração sobre sua infância no Canadá, seu amigo Cameron Boyce e veganismo

Sarah Jeffery  está acostumada a conquistar muitas coisas. A atriz de 23 anos tem deixado sua marca como artista participando de um trabalho por vez. Sarah contou para Imagista como foi crescer no Canadá, a morte de seu colega de elenco Cameron Boyce e sua escolha de ser vegana.

Imagista: Nós da Imagista amamos os canadenses. Você gostou de crescer na linda Vancouver?

Sarah Jeffery: Eu realmente amei crescer em Vancouver. Sinto-me privilegiada por ser canadenses e ter acesso a uma das paisagens naturais mais belas que eu já vi. E a melhor água de torneira do mundo.

Imagista: Você sempre amou se apresentar? Foi sua paixão pela dança que te levou para atuação?

Sarah Jeffery: Eu sempre me sentir muito alegre e confortável no palco. Sempre amei entreter. Eu realmente acho que se envolver com artes desde muito nova, inicialmente com a dança, me persuadiu a segui-las de outras formas. Há uma relação entre tudo isso: minha dança me ajuda a atuar, minha atuação ajuda minha dança.

Imagista: Você esteve em muitos projetos incríveis, como é interpretar a Maggie Vera na série de televisão Charmed?

Sarah Jeffery: Obrigada! É muito bom. Eu acho que a Maggie e eu somos muito parecidas, a mais parecida das personagens que eu já interpretei. Eu honestamente só interpreto uma versão mais exagerada de mim mesma em Charmed, o que é muito divertido. Adicione o elemento da mágica e eu estou amando.

Imagista: Você também estará em Descendentes 3, como está sendo essa experiência para você? 

Sarah Jeffery: Eu nunca tive uma experiência parecida com fazer parte da franquia de Descendentes, da melhor forma possível. Essas pessoas são minha família agora.

Recentemente perdemos um dos nossos amigos mais queridos, Cameron Boyce, e tem sido um pesadelo. Mas fizemos um filme genuinamente mágico e acho que será uma homenagem muito especial para a linda vida de Cameron.

Também, eu gostaría muito de que todos soubessem que a The Cameron Boyce Foundation está funcionando. É uma organização sem fins lucrativos que fornece a oportunidade de continuar lutando e manter vivo seus esforços filantrópicos. O que você puder doar, mesmo que seja só um pouco ou então muito, é como manteremos seu legado e sonhos vivos.

Imagista: Você tem alguma similaridade com a sua personagem Audrey? 

Sarah Jeffery: Eu devo dizer que não acho que eu e a Audrey temos muitas coisas em comum… Eu sempre fico atenta para tratar as pessoas com gentileza e generosidade, e a Audrey tende a ser um pouco egoísta e atrevida.

Quer dizer, vemos um lado diferente dela no terceiro filme, e eu definitivamente me identifico mais com esse lado. Ela confundiu as coisas e só quer uma chance de contar sua história.

Imagista: Também fez teatro, qual é a principal diferença entre atuar na televisão e na frente de uma audiência? 

Sarah Jeffery: Sabe, faz um bom tempo desde que não me envolvo totalmente com o teatro. Porém acho que a principal diferença, para mim, é que a televisão é muito menor e mais chamativo, o menor dos movimentos chamam muita atenção na câmera.

No teatro, você precisa projetar e alcançar toda a audiência, então você precisa exagerar. Além de que na televisão você pode fazer muitos takes e tentar várias vezes, enquanto no teatro você só tem UMA chance.

Imagista: Eu li em algum lugar que você é vegana, como você chegou a essa conclusão? 

Sarah Jeffery: Sim! Eu me importo muito com animais e sempre me importei. Acho que sempre associei meu amor por animais e consumir produtos vindo deles, assim que você pesquisa e vê como eles são tratados na indústria da carne, você não pode dizer que realmente luta por eles se os come.

Eles não são conceito mutualmente exclusivos. Eu recomendaria para todos que estão interessados em ser veganos, fazer sua pesquisa. É importante.

Imagista: Como uma jovem mulher na indústria, qual conselho você pode dar para outra garota jovem que queira seguir seus passos? 

Sarah Jeffery: Essa é uma pergunta muito interessante e eu nunca senti que tinha as palavras perfeitas para compartilhar, é um processo de aprendizado estar na indústria. De qualquer forma, o que eu sempre digo é que, se você está interessado em contar histórias importantes e acredita que é vital para cada pessoa ser representada, precisamos de você. Se você tem paixão, trabalha duro, é curioso e disposto, você pode fazer isso dar certo.

Imagista: Há algo sobre você que você possa compartilhar conosco que não está no Google? 

Sarah Jeffery: Oooh… outra boa pergunta. Acho que muita gente não sabe que eu quis estar na área da saúde por muito tempo. Achei que eu seria ou uma enfermeira infantil ou uma dentista. E agora aqui estou! Eu interpretei uma enfermeira, então acho que essa foi uma boa experiência.

Confira a sessão de fotos completa dessa entrevista em nossa galeria!

Postado por:
comentários
categoria: Entrevistas Notícias
Related Posts
SJBR00021.jpg
SJBR00020.jpg
SJBR00019.jpg
SJBR00018.jpg
SJBR00017.jpg
SJBR00016.jpg
SJBR00015.jpg
SJBR00014.jpg
SJBR00013.jpg
SJBR00012.jpg
SJBR00011.jpg
SJBR00010.jpg
SJBR00009.jpg
SJBR00008.jpg
SJBR00007.jpg
SJBR00006.jpg
SJBR00005.jpg
SJBR00004.jpg
SJBR00003.jpg
SJBR00002.jpg